Piotr Paleczny

Polônia

Piotr Paleczny é um dos mais renomados pianistas e professores da Polônia e vencedor de cinco competições internacionais de piano.

Concluiu seus estudos de piano na Universidade de Música Fréderic Chopin, em Varsóvia, com o professor Jan Ekier. O aprimoramento da sua personalidade artística se deve em grande parte, também, ao contato artístico com Arthur Rubinstein e Witold Lutoslawski.

Com o êxito da sua participação no VIII Concurso Internacional de Piano Fréderic Chopin, em que ficou em terceiro lugar, depois de Garrick Ohlsson e Mitsuko Uchida, passou a receber convites para tocar nas salas de concerto mais prestigiosas do mundo. O prêmio especial da melhor interpretação de uma Polonaise e o prêmio Witold Małcużyński efetivamente lançaram sua carreira, que continua até hoje com apresentações em todos os continentes.

Paleczny já tocou com conceituadas orquestras como a Sinfônica de Chicago, a Orquestra do Concertgebouw, a Royal Filharmonic, a Orchestra Sinfônica da BBC, a Gewandhaus, a Tonhalle Orchester a Orquestra Sinfônica de Zurique, a Orquestra Sinfônica Nacional da RAI, a Orquestra da Academia Nacional de Santa Cecilia, a Orquestra Sinfônica Nacional de México, a Orquestra Sinfônica Nacional Argentina, a Orquestra Nacional de Espanha, entre muitas outras.

Fez apresentações nos palcos de prestigiosos espaços, como a Carnegie Hall, a Alice Tully Hall e a sala da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York; a Orchestra Hall em Chicago; a Suntory Hall em Tóquio; a Berliner Philharmonie em Berlin; a Gewandhaus em Leipzig; o Teatro Colon em Buenos Aires; a Musikverein em Viena, o Concertgebouw em Amsterdam, a Royal Festival Hall em Londres, e a Festspielhaus em Salzburg.

Ministrou masterclasses em Nova York, Tóquio, Sydney, Buenos Aires, Fort Worth, Bordeaux, Paris, Seul, Pequim, Brescia, Madri, Amsterdam, Hamamatsu, Montevidéu, cidade do México…

É respeitado jurado de importantes concursos internacionais de piano como os de Varsóvia (as oito últimas edições do Concurso Chopin), Leeds, Montreal, Moscou (o Tchaikovsky em 2002 e em junho de 2019), Paris, Tel Aviv (o Rubinstein), Londres, Cleveland, Genebra, Hamamatsu, Rio de Janeiro, Toronto, Tóquio, Takamatsu, Seul, Salt Lake City, Mineápolis, Santander, Sendai, Taipé, Weimar, Manchester, Shenzhen, Los Angeles, Hilton Head…

Em julho de 2007, presidiu o júri do prestigioso concurso internacional de piano de Cleveland, tornando-se o primeiro e único polonês convidado a ocupar tal posição nos Estados Unidos. Em 5 de novembro de 2001, Paleczny foi convidado a se apresentar como solista no concerto de gala em homenagem ao centenário da Orquestra Filarmônica Nacional de Varsóvia.

Desde 1993, é Diretor Artístico do festival de piano mais antigo do mundo – o Festival Internacional de Piano Chopin de Duszniki – e desde 2004 exerce a mesma função no Concurso Internacional de Piano Paderewski de Bydgoszcz.

Em 2015, o Instituto Nacional F. Chopin lançou um CD há muito aguardado de Paleczny tocando um recital Chopin que se tornou um enorme sucesso de crítica e público.

Piotr Paleczny é professor na Universidade de Música Fréderic Chopin, em Varsóvia. Seus alunos já ganharam dezenas de prêmios nos mais importantes concursos nacionais e internacionais de piano. Atualmente, ele também atua como professor na Talent Music Academy, em Brescia, na Itália.

Paleczny é membro do comitê executivo da Associação Internacional de Pianistas e foi condecorado na sua terra natal e em outros países, recebendo, por exemplo, as medalhas Commander’s Cross of the Order of Polonia Restituta e a Mexican Order of the Aguila Azteca.

Em setembro de 2005, Piotr Paleczny recebeu a mais alta distinção artística da Polônia, a “Gold Medal for Merit to Culture – Gloria Artis” e em março de 2017 foi premiado com o Diploma e Título de Professor Honorário da Universidade de Música F. Chopin.

Em abril de 2017 a Diretoria da Academia Fonográfica Polonesa lhe concedeu o prestigioso Prêmio “Golden Fryderik”.

Em 2018 Paleczny recebeu um prêmio extraordinário e único, o C.K. Norwid Award “Work of Life”. Em 2019 o Governo do Japão outorgou-lhe uma das mais altas distinções do país, a medalha “Order of the Rising Sun, Golden Rays with Ribbon”.

Em maio de 2022 foi realizada uma solenidade na Universidade de Música Fréderic Chopin, em Varsóvia, em que Piotr Paleczny recebeu o título de Doutor Honoris Causa. O promotor desta prestigiosa iniciativa foi o Maestro Krystian Zimerman.

  • Lei de Incentivo à Cultura
Patrocínio Exclusivo
  • Instituto Cultural Vale
Apoio
  • Fundação Orquestra Sinfônica Brasileira
  • Alink-Argerich Foundation
  • Escola de Música UFRJ
  • Sala Cecília Meireles
  • FUNARJ - Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado do Rio de Janeiro
  • Secretaria de Cultura e Economia Criativa Governo do Estado do Rio de Janeiro
Realização
  • Instituto Arte Plena
  • Secretaria Especial da Cultura e Ministério do Turismo